01/07/2015 – ‪#‎horoscopo‬ ‪#‎efemerides‬

 

A Lua está em Capricórnio. E o Cunha deve estar, neste momento, preparando a forca aos seus traidores. Por 5 votos a redução da maioridade penal não passou nesta última madrugada (aliás, previsão acertadíssima do astrólogo Igor Freire Medeiros). Mas não se alegrem muito, virá chumbo grosso na sequência, não tenham dúvida. Os nossos congressistas, que mal sabem ler, andam vendo muito House of Cards. Culpa da TV Senado que tudo filma. Todos querem aparecer na TV, muitos se acham o Tarcísio Meira. Por 5 votos, o Quasímodo sem coração, o Cunha, amarga nesta quarta-feira, dia de Mercúrio, um menor de 16 anos no estômago.
A Lua está em Capricórnio, a Lua Madrasta. E se opõe a Marte e ao Sol Caranguejo. O dia ouvirá impropérios quanto à infância, violência, etc e tal. As TVS, os Datenas na vida, lembrarão as atrocidades dos menores, de todos aqueles que brutalmente feriram um dia a dignidade humana. Um show de horror midiático, com seus monstros a rodo. A vida na rua é dura e a TV lucra com isso. Aliás, a TV brasileira, esta concessão pública, é ruim que é o diabo. Escorre sangue da tela. Sangue e dinheiro. E palavras que incitam o ódio em nome de Deus. Para mim, tão crime hediondo quanto.
Bom dia, Saturnália.

João C. R. Acuio

imagem: as viúvas do Funeral Político, performance 2010, Curitiba

Foto de Saturnália - Astrologia & Cidade.

30/06/2015 ‪#‎horóscopo‬ ‪#‎efemérides‬

 

A Lua em Sagitário se afasta de Mercúrio e caminha para um trígono com Vênus e Júpiter em Leão, signo do Sol, que se encontra no Caranguejo. A gente se recorda de que a boa-nova a ser anunciada já vive na nossa memória, a gente se lembra daquilo que temos a oferecer ao mundo e ele a nós. Vênus está cada vez mais próxima de Júpiter. A conjunção exata se dará durante a próxima madrugada. Sonhos de bons tempos não fazem bons tempos, mas plantam a semente. Benesses que evaporam do lodo cujo vapor respiraremos. Vênus e Júpiter, o prazer e a justiça, o amor e a sorte, o dinheiro e o juiz, a mulher e o exagero, se abraçam no signo da majestade, da realeza, da lealdade e da tirania. Boas ambições geram boas feras. Hoje é terça-feira, dia de Marte. Bom dia, bom dia.

– Letícia Helena C. Santa Cruz

29/06/2015 ‪#‎horóscopo‬ ‪#‎efemérides‬

 

Hoje é segunda-feira, dia da Lua, que começa a semana galopando em Sagitário. Rompantes cavalares de alegria ou dor não fazem mal a ninguém e devolvem aos dias a sensação de que existe vida nos músculos. A Lua em Sagitário caminha na direção da oposição com Mercúrio em Gêmeos. Todo mundo é um pouco trovador, a história sempre pode ser contada ou cantada. Não confundir trova com lamento. O excesso de razão também é sintoma de exagero. Bom, dia, bom dia.

– Letícia Helena C. Santa Cruz

Foto de Saturnália - Astrologia & Cidade.

28/06/2015 – ‪#‎horoscopo‬ ‪#‎efemerides‬

 

A Lua atravessa o lodo de veneno do Escorpião.
Eu tomo um gole da água lodosa para me tornar imortal.
Lua conjunta a Saturno em Escorpião.
E a constatação de que metal você é feito se torna fatal.
Viver é viver para sempre e não se lembrar de ontem.
A Lua atravessa o humor do Escorpião, se aproxima de Saturno, e está tudo bem, porque ter certeza do que se acredita é puro remédio, pura paixão.
Hoje é domingo, dia do Sol.
A lama é iluminada por Vênus e Júpiter.
Há brilho nos olhos da velha.
Bom dia, místicos punks!

Foto de Saturnália - Astrologia & Cidade.

27/06/2015 ‪#‎horóscopo‬ ‪#‎efemérides‬

 

Hoje é sábado, dia de Saturno. A Lua em Escorpião, ainda na Via Combusta, se afasta de Marte. A sensação de se estar na iminência de uma guerra vai aos poucos ficando pra trás. A Lua caminha para, já fora da Via Combusta, quadrar Vênus e Júpiter em Leão. A peleja dá lugar à paixão, que são faces da mesma moeda. Tem dias que o mais justo que pode acontecer é simplesmente sobreviver. Cicatrizes são marcas de luta que compõem uma história, e a história nos ajuda a , numa próxima vez, enfrentar ou despistar o inimigo. Bom dia, bom dia.

– Letícia Helena C. Santa Cruz

Foto de Saturnália - Astrologia & Cidade.

Algol – parte 2

lunacao jup sat 2000

 

Algol – parte 2

Para que se tenha um ciclo, é preciso que um planeta mais rápido encontre um mais lento. O tempo que o planeta mais rápido leva para encontrar novamente o planeta mais lento, marca o período do ciclo. É o que acontece com Júpiter e Saturno, que marcam ciclos de 20 anos. A última vez que Júpiter encontrou Saturno foi em 2000, no signo de Touro. Veja o mapa anexado.

Em 2000, Júpiter e Saturno estavam a 22 graus e 43 de Touro. Algol, na data, encontrava-se a 26 e 10 de Touro. Algol é uma estrela tão significativa que considera-se margem (orbe) de até 5 graus, antes ou depois, para dizer que um planeta está em conjunção com a Górgona. É essa a recomendação de William Lilly: 5 graus de orbe para Algol. É claro que a conjunção, o aspecto exato é o mais dramático, o mais intenso, corresponde olhar no fundo dos olhos da Medusa. Caput Algol, a do olhar petrificante.

Em 2000 então, começou o ciclo Júpiter-Saturno-Algol. Este ciclo só acaba quando Júpiter encontrar Saturno mais adiante, isto é, em 2020, já no signo de Aquário. Como qualquer ciclo, há uma fase Nova (conjunção – 2000/2001/2002), Crescente (Júpiter a noventa graus a frente de Saturno – 2005/2006/2007), Cheia (Júpiter a 180 graus de Saturno – 2009/2010/2011) e Minguante (Júpiter a noventa graus atrás de Saturno – 2014-2015-2016). O início deste ciclo foi marcado pela queda das torres do World Trade Center, em 2001, um ano depois da conjunção, evento que batizou este ciclo de “Tempo do Terror”. Agora estamos na última fase, isto é, desde que Júpiter aplica a Saturno a quadratura minguante do ciclo (2014-2015-2016) e, como muito bem lembrou João Medeiros na sua palestra no I Simpósio Luso-Brasileiro de Astrologia, que ocorreu em março último, o Estado Islâmico decapitando “traidores” corresponde bem a conjunção de Júpiter-Saturno com Algol, finalizando e coroando literalmente e a fase minguante deste ciclo.

O próprio Sadam Hussein, ditador do Iraque, capturado pelos USA, tem Algol em seu próprio mapa: Mercúrio, regente da casa do corpo de Sadam (casa 1), encontra-se conjunto a Algol. > http://www.astrotheme.com/astrology/Saddam_Hussein

Sadam, após liderar um golpe de Estado, governou o Iraque por um grande período de tempo. Depois da queda das torres, George W. Bush o acusou de fabricar armas de extermínio em massa que nunca foram encontradas. Os USA declararam guerra ao Iraque em 2003. Sadam, capturado e julgado por um tribunal internacional, é condenado à forca. Foi executado no dia 30/12/2006. A Lua transitava por Algol. E o ciclo Júpiter-Saturno em Touro, o “Tempo do Terror”, escreveu mais um capítulo da sua história.

É muito comum encontrar tanto ditadores quanto libertários com Algol pronunciada em seus mapas natais. Frida Kahlo, uma libertária acima de tudo, que lutou contra limites físicos, contra barbárie do seu tempo, contra o extermínio da cultura mexicana, com força, veemência, sem medo da morte, tinha, tem, o Almutem da sua carta, a Lua, conjunto a Algol. Frida pintou os horrores medusinos das suas vísceras e as do povo mexicano. É interessante notar que a alfa de Perseu (3 de Gêmeos), a Mirfak, em algumas representações, é desenhada na altura do umbigo do herói. Algol é a Cabeça-da-Medusa, Mirfak é o coração, a alfa do Perseu. Para vencer os horrores mentais, são precisas vísceras. Vale ressaltar que, a rigor, o Almutem Figuris da carta da Frida está mais perto de Mirfak do que de Algol. Mas entendo que se uma estrela da constelação está constelada, a outra também é encontrada na narrativa do nativo. Mirfak é uma estrela sem nenhum prestígio comparada a Algol. Afinal, Medusa toma para si a narrativa de Perseu. No entanto, considerando a orbe proposta, o Almutem Figuris de Frida encontra-se com Medusa.

Freud, o que ousou olhar nos olhos da Medusa, tem Mercúrio conjunto a Algol. O inventor da psicanálise restituiu ao mundo o valor de Nêmesis. É interessante lembrar que Freud morreu com câncer na garganta, traduzindo em seu próprio corpo uma espécie de enforcamento.

De fato, Algol traz notícias sob o signo do enforcamento, do atentado, do estupro, da violência atroz, enfim, sob o signo do abuso seja ele físico, moral ou espiritual. Sob Algol, o céu é pestilento mas, ao mesmo tempo, pronto para fazer a justiça.

Desde o dia 17 de maio até dia 16 de junho, estamos sob uma Lunação de Algol – ciclo de aproximadamente 29 dias que tem a Algol a governando. Este pequeno ciclo está em curso e assistimos, dentro dele, o escândalo internacional envolvendo a FIFA. A secretária de Justiça americana, que mandou prender cartolas do futebol, é Loretta Lynch (21/maio/1959). Loretta tem Sol conjunto e Júpiter em oposição exata a Algol. (Valeu, Letícia Helena por observar o mapa da Loretta).

Lembrando outros exemplos, recordo a queda do ministro Pallocci no primeiro governo da presidente Dilma. A cabeça do Palocci rolou sob Algol.

Quando do BBB9, diante de uma cena de abuso sexual sem consentimento, Algol estava constelada. A suposta vítima não prestou queixa, mas a notícia que tomou as redes sociais é que a Globo transmitiu um abuso sexual a vulnerável. A cena foi abafada, mas não sem criar danos emocionais, se não aos envolvidos, aos que assistiam ao programa.

Cidades podem ter a Medusa como algoz e guardiã. Havia, é claro, cidades gregas que estavam sob a sua proteção, o que revela que a Medusa também foi transformada num ícone protetor. Mas para que vejamos o aspecto protetor, muita injustiça deve ter acontecido. Uma cidade imaginária sob os olhos da Medusa é Gotham City. Curitiba, capital do estado do Paraná, é uma cidade real que a ostenta no ascendente, conforme defende o astrólogo Fernando Fernandes. Também acredito que o Ascendente em Touro conjunto a Algol faz sentido à Curitiba, hoje a sexta cidade mais violenta do Brasil. Maria Bueno, a santa que o povo elegeu, foi degolada.

O curitibano Rodrigo Gularte, condenado à morte pela Indonésia por tráfico de drogas, foi executado com a Lua transitando por Algol. Foi enterrado em Curitiba, no dia 30/04 às 15h15, Marte conjunto a Algol. Algol está enterrado no cemitério municipal da cidade de Curitiba.

Dia 29 de abril, quando o governador do estado do Paraná jogou pittbulls, bombas e polícia sobre os professores de Curitiba, enquanto a ALEP aprovava lei que confiscou a previdência dos servidores do estado, o terrorismo de Estado comeu soltou sob Mercúrio e Marte entre Algol. A queda do secretário de segurança foi anunciada dias depois, quando Marte cruzou Algol.

Dia destes, com Marte conjunto a Algol > http://internacional.estadao.com.br/blogs/jamil-chade/garotos-perderam-a-conta-dos-estupros-sofridos-por-tropas-internacionais/

Em síntese, Algol é uma estrela sob o signo do abuso. E, por isso, uma estrela que se insere no campo ético e da justiça. Abusos há vários, de diferentes tipos e o questionamento ético é necessário para discernir suas sutilezas. O abuso de poder faz uso de disfarces. Síndrome de Estocolmo está sob a égide da Medusa.

Medusa usa e não usa shampoo.

João C. R. Acuio

26/06/2015 ‪#‎horóscopo‬ ‪#‎efemérides‬

 

A Lua segue na Via Combusta, nos últimos graus de Libra. Precisar o peso das cinzas é tão difícil quanto parece. Por volta das 15:00 a Lua ingressa em Escorpião e faz um trígono a Marte e ao Sol, ambos no Caranguejo. A tarde é de silêncio frente à responsabilidade de se estar diante do veneno: carregá-lo ou recebê-lo é da sorte de cada um. Hoje é sexta-feira, dia de Vênus. O prazer intoxica, o prazer cura, o tesão é o remédio do mundo. Bom dia.

– Letícia Helena C. Santa Cruz

Foto de Saturnália - Astrologia & Cidade.

Marte em Câncer

Quando Marte está em Câncer, no terreno da sua QUEDA, e a Lua, regente de Câncer, está em Libra, terreno de um dos DESTERROS de Marte, o golpe é baixo e rasteiro, travestido de bondade. Vide o habeas corpus preventivo do ex-presidente Lula e também a passada de mão no Cavani, ontem, no jogo Chile X Uruguai, o que resultou na expulsão do Cavani. Jogo baixo.

25/06/2015 ‪#‎horóscopo‬ ‪#‎efemérides‬

 

Hoje é quinta-feira, dia de Júpiter. No começo da manhã a Lua em Libra fez um trígono a Mercúrio em Gêmeos. A diplomacia é uma boa forma de colocar panos quentes. Diplomacia é qualidade do que ou de quem se dobra, e tanto Libra quanto Gêmeos são dois, mas Libra é quem pondera sobre si com base no outro e não o contrário. A dúvida é uma grande aliada. A Lua em Libra já na Via Combusta caminha para um sextil com Vênus e com Júpiter em Leão. Os humores vão ferver porque a Justiça também é um prazer, e a gente gosta de controlar a possibilidade de prazer, mas a Justiça a gente não controla. Vênus e Júpiter no signo do Sol, que está em Câncer. Fogueiras acesas no lodo. Bom dia, bom dia.

– Letícia Helena C. Santa Cruz